domingo, 15 de outubro de 2017

Clássicos em rede • Centro de Estudos Clássicos da FLUL

Clássicos em rede • Centro de Estudos Clássicos da FLUL

Clássicos em rede
Clássicos em rede é um programa de atividades para alunos dos ensinos básico e secundário, com o objetivo de aumentar os seus conhecimentos sobre a Cultura Clássica e, sobretudo, levá-los a descobrir a sua presença na atualidade: na língua e etimologia, na herança patrimonial, nos modelos estéticos e na arte, no imaginário coletivo, no ideário que está na base das nossas sociedades e em tantos outras áreas.
Este programa é desenvolvido, em parceria, pela Rede de Bibliotecas Escolares, pelo Centro de Estudos Clássicos da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (CEC-FLUL) e pelas autoras do projeto Olimpvs.net.
O projeto desenvolve-se em três linhas de atividade:

Olimpíadas
           
Reucursos
Brevemente
           Sessões de exploração
Mais informações
aqui

sexta-feira, 29 de setembro de 2017

MIBE 2017 • Ligando comunidades e culturas

MIBE 2017 • Ligando comunidades e culturas
MIBE 2017 • Ligando comunidades e culturas
Este é o tema definido pela International Association of School Librarianship (IASL) para o Mês Internacional da Biblioteca Escolar (MIBE).
O concurso de ideias “Ligando comunidades e culturas” é a iniciativa que a RBE lança este ano para assinalar o MIBE. O seu objetivo principal é fomentar um debate em torno do tema. Desse debate surgirão as ideias-chave e as estratégias para que a biblioteca se apresente como o lugar onde se ligam comunidades e culturas.
Até 3 de novembro, os alunos são desafiados a refletir, a pôr a sua criatividade em ação e a apresentar uma ideia. O desafio consiste na criação de um jogo original que permita aos utilizadores da biblioteca abordar a temática proposta para o MIBE, de uma forma aliciante e lúdica. Os participantes deverão seguir com rigor o estipulado no regulamento.
À ideia vencedora será atribuído o prémio Teresa Calçada.
Além deste desafio, as bibliotecas devem também aproveitar as propostas da IASL que constam da página dedicada ao ISLM (International School Library Month): Skype project; Bookmark Exchange Project; GiggleIT e partilha de atividades (What people are doing for ISLM).
Para 2017, o Gabinete da Rede de Bibliotecas Escolares estabelece 23 de outubro como Dia da Biblioteca Escolar em Portugal.
Mais informações aqui.

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Recursos de cidadania | RTP Ensina

recursos.png


O portal RTP Ensina apresenta um conjunto de recursos - para alunos e professores - que podem contribuir para a educação para a cidadania.


A RTP apresentou, ao longo das últimas décadas, rubricas e programas que podem auxiliar estudantes e professores a complementar os seus conhecimentos de cidadania.

Na área de cidadania do portal recuperam-se alguns desses documentos com o objetivo de ajudar a cumprir as metas dessas disciplinas: “contribuir para a formação de pessoas responsáveis, autónomas, solidárias, que conhecem e exercem os seus direitos e deveres em diálogo e no respeito pelos outros, com espírito democrático, pluralista, crítico e criativo, tendo como referência os valores dos direitos humanos”:

Conteúdo relacionado:

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

A maior lição do mundo



A Rede de Bibliotecas Escolares dá início à sua colaboração com a Estratégia Nacional de Educação para a Cidadania, associando-se à iniciativa A Maior Lição do Mundo, cujo início, no corrente ano letivo, será marcado pela presença do Ministro e do Secretário de Estado da Educação no Agrupamento de Escolas de Caneças, onde dialogarão com os alunos sobre questões ligadas com os Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável. Esta sessão decorrerá na sexta-feira, dia 22, entre as 10:00 e as 11:30 e será transmitida em streaming, acessível através da seguinte ligação:
http://dge.mec.pt/videodifusao.
A RBE associa-se às propostas do Comité Português da UNICEF e da Direção-Geral da Educação para A Maior Lição do Mundo 2017-18 e convoca as bibliotecas a aderirem, abordando sobretudo o ODS 4 - Educação de qualidade, mas também outros conteúdos no âmbito dos ODS, conducentes a desenvolver nos alunos atitudes de cidadania global.
Inserindo-se nesta ou noutras iniciativas de caráter internacional, nacional ou local e com base no referencial Aprender com a Biblioteca Escolar, os professores bibliotecários deverão propor e colaborar com os educadores, docentes titulares de turma, docentes responsáveis pela Educação para a Cidadania e outros, na conceção de estratégias e planificação/ realização de atividades, de acordo com o estipulado no documento da Estratégia. Para o efeito têm ao seu dispor os vários referenciais publicados para as diferentes áreas da Educação para a Cidadania.

 Áreas   Regime   Níveis
   Direitos Humanos;
   Igualdade de Género;
   Interculturalidade;
   Desenvolvimento Sustentável;
   Educação Ambiental;
   Saúde
   Obrigatórias            




   Todos os níveis de ensino




   Media;
   Instituições e participação democrática;
   Literacia financeira e Educação para o Consumo;      
   Sexualidade;
   Segurança Rodoviária.
   Obrigatórias



   Pelo menos
   em dois dos níveis de ensino    

   Empreendedorismo;
   Mundo do Trabalho;
   Risco;
   Segurança,    Defesa e Paz;
   Bem-estar animal;
   Voluntariado;
   Outras (de acordo com as necessidades diagnosticadas  
   pela escola).                      
   Opcionais







   Em qualquer nível






quinta-feira, 14 de setembro de 2017